Imprimir

Jurubatiba

O Parque

Parque de JurubatibaO Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba foi criado no dia 29 de abril de 1998 com objetivo de preservar o patrimônio natural composto por diversos ecossistemas e possibilitar o desenvolvimento de pesquisas científicas e de programas para fins educacionais, paisagísticos e turístico.

Localizado no norte do Estado do Rio de Janeiro, engloba áreas de Macaé, Carapebus e Quissamã, sendo 65% do total de sua área situada nesta última cidade. Possui 44 km de praias, 14.860 hectares de restinga, com 18 lagoas costeiras de rara beleza e de grande interesse ecológico.

O Parque é um abrigo para diversas espécies de fauna e flora de restinga que em outros locais do Brasil estão em risco de extinção. Já foram, inclusive, encontradas novas espécies na Unidade.

A área do Parna Jurubatiba foi habitada pelos Índios Goytacazes, povo que tinha tradição guerreira. O Parque resguarda também a porção bem conservada do Canal Campos – Macaé, que levou quase 30 anos para ser construído por mão-de-obra escrava, com 104 km de extensão.Parque de Jurubatiba

Jurubatiba é um dos três parques nacionais brasileiros onde é possível observar a coexistência da preservação do ambiente com o desenvolvimento sustentável de uma população de pescadores tradicionais, que já pescavam na área mesmo antes de sua criação. Através de um Termo de Ajustamento de Conduta com o Ministério Público Federal e o Instituto Chico Mendes de Conservação do Biodiversidade (ICMBio), 25 famílias de pescadores conseguiram autorização em maio de 2008 para continuar pescando na Lagoa de Carapebus, uma das mais ricas em peixes de toda a região.

Parque de JurubatibaO Parque teve seu Plano de Manejo lançado em janeiro de 2007 , colocando o mesmo como uma unidade de conservação de proteção integral e após uma proposta do Ministério do Meio Ambiente e do ICMBio (feita no final de 2010) é um dos 11 parques do Estado do Rio de Janeiro escolhido para visitação na Copa de 2014.

O Parque possui 44 km de praias, 14.860 hectares de restinga, com 18 lagoas costeiras de rara beleza e de grande interesse ecológico.

Principais atrativos

O Parna Jurubatiba teve sua abertura oficial no dia 11 de fevereiro de 2012 e teve como marco o passeio inaugural de barco e bugre de Quissamã a Carapebus, a entrega simbólica dos certificados aos condutores que fizeram curso e das autorizações para as operações de condução de veículos tracionados e de barco.

O visitante tem a opção de realizar 4 (quatro) passeios turísticos em Jurubatiba e ainda pode contar, com a opção de contratar um guia de visitantes devidamente treinado:

  • Caminhar pelas diversas trilhas existentes na Unidade;
  • Realizar um passeio de bugre, ou outro carro tracionado, entre o balneário de João Francisco (Quissamã) e a Lagoa Preta ( Quissamã) com opção de banho na Lagoa;
  • Realizar um passeio de barco entre as lagoas de Carapebus e do Paulista, passando por uma porção ainda preservada do Canal Campos-Macaé;
  • Passear de caiaque por diversas lagoas do Parque Nacional.

Como chegar

O acesso pode ser feito através da BR-101, Rio de Janeiro sentido Macaé, percorrendo 200 km (sendo de Macaé até a Unidade cerca de 20 km); ou ainda de Campos dos Goytacazes sentido Quissamã, percorrendo 60 km (de Quissamã até a Unidade são aproximadamente 10 km).

CENTRO DE VISITANTES

visitacao_23AS

O parque também passou a contar, a partir de dezembro de 2008, com um espaço específico para pesquisa e estudos de todo ecossistema. Trata-se do Centro de Visitantes do Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba, que recebe cerca de 40 turistas por semana, vindos de várias partes do estado e da região.

Vídeos educativos, fotos da flora e da fauna do parque, informações para estudos e pesquisas são alguns dos atrativos que compõem o Centro de Visitantes, que atua na promoção do desenvolvimento do turismo sustentável em Quissamã, com base no ecoturismo. Além disso, o espaço também conta com uma loja que vende peças confeccionadas por artesãos e costureiras locais, com temas que remetem à natureza que destaca o parque.

O Centro de Visitantes funciona de quarta-feira a domingo, das 9h às 15h. Nos outros dias da semana, somente por agendamento prévio. Neste caso, os interessados devem contactar o Departamento de Turismo pelo telefone (22) 2768-9315 ou pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

Endereço: Avenida Atlântica, s/nº – Praia de João Francisco. Entrada gratuita.

Compartilhar no Facebook